Orações que Curam

religiao-x-ciencia

Por Leandro Ferraz

Olá queridos leitores, tudo bem? Essa semana iremos tratar sobre uma matéria publicada na folha gospel e que sinceramente, não sei de quem foi a brilhante idéia. Na minha opinião, uma das coisas mais sem fundamento que já tive o desprazer de ler na vida. Resumindo, a matéria aborda o seguinte tema, “Estudos médicos mostram a influência da oração na saúde das pessoas.” Confesso que quando li fiquei com uma imensa vontade de rir, mais me concentrei e resolvi ver do que se tratava.

A matéria começa falando o seguinte “Os resultados são fruto de uma nova pesquisa, publicada no Jornal de Medicina Southern, após a análise de mais de 1.500 estudos médicos.
Acreditar em Deus pode tornar as pessoas mais saudáveis ​​e felizes, de acordo com novos estudos.” Gostaria de saber quais critérios foram adotados para se medir essa tal felicidade dos cristãos apontada no estudo. Sabemos que a maioria dos cristãos vivem uma vida medíocre, regrada a muito sofrimento e doando parte do pouco que conseguem para a igreja. A maioria são pessoas sofridas, calejadas e castigadas pela vida, pessoas que não preocupam com nada mais além dos ensinamentos bíblicos ou do pastor. Não se importam em evoluir, estudar, adquirir conhecimento, aceitam sem questionar tudo que lhes é imposto, independente do quão absurdo isso seja, enfim, uma felicidade sem tamanho mesmo.

Outro quesito que gostaria de destacar é o seguinte, não sei se vocês já repararam, mais parece um pré-requisito ter cometido algum erro grave na vida, ou ter levado uma vida digamos “leviana” antes de se tornar evangélico. Não generalizando, pois existem sim famílias com raízes evangélicas, onde os filhos nascem evangélicos e a doutrina vai passando de geração em geração. Porém 80% dos evangélicos fizeram algo de errado antes de se apegarem a religião. O que espanta é a hipocrisia cometida por eles, pois são esses mesmos que querem condenar suas atitudes, te recriminar, te dizer o que é certo e o que é errado. Muitos se tornam religiosos exatamente por não conseguir viver uma vida normal sem a ameaça de uma punição por seus atos, ou seja, se não tiverem a ameaça de uma punição divina, não conseguem viver dentro das normas da sociedade.

Destacarei também uma parte muito interessante “Pesquisas têm demonstrado que a oração pode evitar que as pessoas fiquem doentes, e até mesmo quando adoecem, a oração pode ajudá-los a melhorar mais rapidamente”, disse o professor Harold G. Koenig, da Universidade de Duke à revista “Newsmax Health.” Espero sinceramente que esse ensinamento não chegue aos ouvidos dos médicos, pois imagina chegar em um hospital e dependendo da gravidade do seu caso você recebe apenas uma oração e volta pra casa. Se o caso for grave você estará perdido amigo, essa que é a verdade. Não se tem prova científica nenhuma de que uma oração curou alguém, a não ser nessa pesquisa fajuta que vos apresento aqui. Não podemos acreditar em tudo que lemos, ainda mais se tratando de uma matéria em um site tão imparcial quanto esse.

Em outra parte da matéria é citado também “E de 125 estudos que analisaram a relação entre saúde e a prática da oração regularmente, 85 mostraram que fiéis regulares vivem por mais tempo”, disse Koenig, que também é diretor do Centro de Duque de Espiritualidade, Teologia e Saúde.” Concordo plenamente que fiéis fervorosos vivam mais do que céticos, partindo do conceito que os mesmos se privam de tudo em nome da fé. Não divertem como deveriam, não fazem uso de álcool ou cigarro, vivem mais dentro das igrejas, e voltam da igreja diretamente pra casa, não levam vida boêmia ou seja, muitos vivem uma vida mais saudável. Não que isso seja vantajoso, não quero fazer apologia a nada disso aqui, mais atrelar taxa de mortalidade a religiosidade é muita falta de conhecimento.

Esta pesquisa no meu modo de ver deveria ser estudada a fundo para desmascarar tamanha falácia. Psicologicamente pode ser que ajude pessoas a encontrar um “caminho”. Mais cientificamente falando não se tem nenhuma prova ou caso onde uma simples oração tenha curado alguém, Oração não é nada mais do que uma repetição incessante de palavras que no fim não resultam em absolutamente nada. Não tenha dúvidas, se adiantasse algo realmente, as orações seriam cobradas, pode ter certeza. Fazendo um gancho no assunto abordado, todo ateu já ouviu a seguinte frase “pode até ser ateu, mais reza quando o avião está caindo.” Tudo bem, mais baseado nessa matéria absurda o mesmo deveria não cair, já que a oração além de curar doentes, faz os religiosos viverem mais, não é mesmo?”

Para fechar, deixo a vocês a seguinte frase de Daniel Dennett “Não existe uma forma polida de dizer a uma pessoa que ela tem devotado sua vida a uma bobagem.”

Segue link da matéria citada acima: http://folhagospel.com/modules/news/article.php?storyid=30044

Um abraço e até a próxima! Qualquer comentário, opinião ou crítica comentem abaixo, responderei a todos com muito prazer, obrigado!

Anúncios

2 comentários sobre “Orações que Curam

Deixe seu comentário ou sugira o assunto do seu interesse para futuras publicações!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s