Eduardo Cunha, o absurdo institucionalizado

Por Sergio Viula

Diferentemente do costume dessa coluna, não falarei sobre uma religião específica e sua relação com as pessoas LGBT nesse domingo. No entanto, a figura que me leva a escrever tem a ver com fundamentalismo e direitos civis. Peço que façam uma leitura atenciosa, porque o momento é grave dentro da maior casa legislativa do Estado brasileiro.

Eduardo Cunha, o absurdo institucionalizado

eduardo cunha larga a assembleia e libera essa delícia

Campanha lançada pelo Maestro Bogs e apoiada pela ARCA.

O ano de 2015 começa oficialmente esse domingo, ou seja, depois do desfile das campeãs do carnaval.

Infelizmente, o que há de novo na Câmara dos Deputados em Brasília não é melhor do que o que vimos entre 2010-2014. Pelo contrário, não bastassem os fundamentalistas da bancada evangélica que não fazem muita coisa além de vigiar a bunda alheia, agora a presidência da Câmara está sendo ocupada pelo Deputado Eduardo Cunha, um evangélico membro da Igreja Sara Nossa Terra, conhecida por seu misticismo pentecostal estranho até para outras igrejas evangélicas.

O Wikipedia traz o seguinte a respeito do Deputado Eduardo Cunha:

É conhecida a sua posição em relação ao Marco Civil da Internet7 8 , defendendo o controle de fluxo de dados dos usuários por parte das empresas de telecomunicações e, assim, ferindo o princípio da neutralidade da rede 9 .

Em 2012 foi acusado de envolvimento na falsificação de documentos públicos que levaram ao arquivamento de procedimento no Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, instaurado contra ele. 10 11 12 .

Em 2014, Eduardo Cunha entrou com uma queixa-crime no Supremo Tribunal Federal, contra o também deputado Anthony Garotinho (PR-RJ), por injúria e difamação. Garotinho, em seu blog, referiu-se a Cunha como “deputado-lobista“. Assessores da Câmara e lobistas com acesso a parlamentares do PMDB relatam que Eduardo Cunha registra em uma agenda a lista de empresas – ligadas principalmente aos setores de energia, telefonia e construção civil – beneficiadas por sua atuação parlamentar. 13

Além de ser contra o Marco Civil da Internet, que é um dos mais democráticos e livres do mundo, provavelmente pensando em viabilizar uma futura censura à rede mundial de computadores no território nacional, ele passa por cima de qualquer possibilidade de diálogo sobre o aborto, já demonstrando seus talentos como censor sobre aquilo que ele pode controlar: a pauta da Câmara. Logo no começo desse ano, ele disse: “Aborto só vai a votação se passar pelo meu cadáver”.

Sobre o casamento homoafetivo, Eduardo Cunha já fez várias declarações absurdas para uma pessoa na posição dele, um legislador, ou seja, alguém que devia pensar a viabilização e efetivação de direitos para uma sociedade plural, democrática, laica, e por aí vai.

eduardo cunha tweetNão bastasse isso, Marco Feliciano, aliado de Cunha, porém de outra igreja, aproveitou a deixa de seu ‘amigo’ na presidência da Câmara para ressuscitar um projeto que visa a ensinar criacionismo bíblico nas aulas de ciência. Em qualquer país desenvolvido do mundo, isso seria visto como uma piada de mal gosto, um achincalhe à ciência. Se o criacionismo cabe em algum lugar, esse lugar seria a educação religiosa, coisa que esses lobistas de igrejas evangélicas já conseguiram implantar nas escolas de ensino público. A Folha de São Paulo chamou o projeto defendido por Feliciano de “monumento à ignorância”. Vejam aqui.

A campanha satírica do Maestro Bogs encampada pela ARCA visa chamar a atenção das pessoas para ignorância desse parlamentar que como deputado não chegar sequer a dar um bom pastor, quanto menos um legislador. Compartilhe essa foto. Compartilhe esse post.

DIGA NÃO À HOMOFOBIA/TRANSFOBIA

DIGA NÃO À MISOGINIA

DIGA NÃO À CENSURA OU TUTELA FUNDAMENTALISTA À LIBERDADE DE EXPRESSÃO

DIGA NÃO À SABOTAGEM DO ENSINO DE CIÊNCIA NAS ESCOLAS

Esse hangout da ARCA ontem foi exatamente sobre isso: https://www.youtube.com/watch?v=yulcCzmZGDQ

Anúncios

Um comentário sobre “Eduardo Cunha, o absurdo institucionalizado

  1. “ressuscitar um projeto que visa a ensinar criacionismo bíblico nas aulas de ciência.”
    Daqui há uns tempos o ensino de Geografia será para mostrar o caminho para o Jardim do Éden rsrsrs.

    Curtir

Deixe seu comentário ou sugira o assunto do seu interesse para futuras publicações!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s