Pedofilia e religião

Por Laudenir Araujo

Ao longo da triste história das religiões podemos ver diversos casos de pedofilia, sendo mais comuns entre os sacerdotes católicos, mas não exclusivamente deles. A pedofilia em si não é considerada crime, já que a mesmo é classificada pela organização mundial da saúde (OMS) como transtorno de preferência sexual. O que tipifica o crime é o ato sexual libidinoso praticado por adultos com menores de 14 anos, conforme o estatuto da criança e do adolescente (ECA) em seu artigo 214-b. Um dos casos que mais me estarreceram foi o de um pastor suspeito de estuprar crianças com idade entre 4 anos e 9 anos na cidade de Biritiba Mirim em SP.

http://g1.globo.com/sp/mogi-das-cruzes-suzano/noticia/2013/12/pastor-e-preso-por-suspeita-de-estuprar-criancas-em-biritiba-mirim.html

Sempre soube de padres pedófilos, mas pastores eu ainda não havia ouvido falar, então resolvi dar uma checada nos noticiários e me surpreendi com a quantidade de casos. Levando em consideração a “idade” da igreja protestante, bem menos que a católica, os casos são em um número bem próximos. Nos EUA, casos de pedofilia na igreja católica levaram a acusação do Papa Bento XVI, mas pra variar a igreja católica encobriu, e fez algo inimaginável, culpou a revolução sexual pelos casos, se eximindo da culpa pelo crime e protegendo o criminoso.

http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/tema-livre/relatorio-da-igreja-dos-estados-unidos-sobre-pedofilia-coloca-a-culpa-na-revolucao-sexual/

No Brasil, diversos casos de pedofilia praticados por lideres religiosos só crescem e uma boa “justificativa” é o que está escrito na bíblia, no livro de Números 31:17-18. Que diz:

Agora, pois, matai todo o homem entre as crianças, e matai toda a mulher que conheceu algum homem, deitando-se com ele. Porém, todas as meninas que não conheceram algum homem, deitando-se com ele, deixai-as viver para vós.

Existem várias desculpas ditas por estes sujeitos para verem-se livres de acusações contra ele, uma delas é a “eu ouvi uma voz mandando eu fazer!” “É satanás!”… Assim, as pessoas ficam sensibilizadas e acabam não denunciando o crime e também o fato de que dentre os membros das igrejas há diversos criminosos ditos “SALVOS E RECUPERADOS” coisa que nunca acreditarei.

A triste realidade é que mesmo que forem presos, a nossa justiça é muito branda e logo estarão livres para voltar a praticar tão repugnante ato e acima de tudo sob a proteção da instituição apoiadora.

Para terminar deixarei aqui vários links relatando casos de padres e pastores pedófilos e também um Número de telefone para denúncias.

Forte abraço!

http://www.paulopes.com.br/2009/06/casos-de-pastores-evangelicos-pedofilos.html#.VMm9MdLF91Z

http://www.turminha.mpf.mp.br/direitos-das-criancas/18-de-maio/o-que-e-pedofilia

DISK 100 para denunciar a pedofilia.

Anúncios

Deixe seu comentário ou sugira o assunto do seu interesse para futuras publicações!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s