Incesto, quem nunca?

Por Laudenir Araújo

download

Como diz a musica da cantora Pitty “Quem não tem teto de vidro que atire a primeira pedra”.

Desde que o mundo é mundo essa prática era vista como normal, afinal de contas a população se reproduziu como todo animal da face da terra. Imoral? Acham que os deuses não faziam igual? Faziam sim e até pior! Pois foi assim, se reproduzindo que chegamos ao número populacional dos dias atuais.

Todos os deuses criaram o mundo e criaram um homem e uma mulher, mas dominar apenas um casal não era o objetivo egocêntrico de qualquer deus, seja ele qual for. Então ordenaram às criaturas que multiplicassem, ou procriassem, talvez esse seja o termo mais correto.

Na Grécia antiga, o poderoso Zeus, casou-se 3 vezes, entre as três estava Hera, sua irmã e com ela teve vários filhos, porém só reconheceu 1, Ares, o deus da guerra tendo desprezado os demais. Legal não?

No Egito, foi Osíris que cometeu incesto com sua irmã Isis 2500 anos ac.

Isso é uma prática comum entre todas as divindades, o que te faz pensar que seria diferente com o deus judaico ou o judaico-cristão?

O livro moral da religião judaico-cristã, bíblia, diz em Levítico18:6:17  que condena o incesto, porém…como ficaria a humanidade se não tivesse acontecido a prática do casamento parental, já que no começo havia apenas Adão e Eva?

Da costela de Adão Eva foi gerada depois casaram-se e tiveram Caim e Abel. Caim matou Abel e povoou a terra com um monte de filhos… Com quem?

O mesmo livro responde em Gn4:17 – E conheceu Caim a sua mulher (…).
Com sua irmã! Pois Adão teve vários filhos e filhas. Tudo bem até aí? Foi ou não incesto?

Mais a frente no mesmo livro de moral ilibada vemos que o incesto servia como tábua de salvação para a perpetuação de D”us.
Em Gn20:11,12 – (…) ela é minha irmã (…) e veio a ser milha mulher. Disse Abraão com medo de morrer pelas mãos da população por ter desposado sua irmã.

Mais a frente em II Sam 13:12,13 – Não, meu irmão! (…) Fale com o rei; ele deixará que eu me case com você.
Os pais de Sansão lhe disseram para casar com uma parenta.

Jz 14:3 – Seu pai e sua mãe lhe perguntaram: “Será que não há mulher entre os seus parentes ou entre todo o seu povo? Você tem que ir aos filisteus incircuncisos para conseguir esposa?”

Olha só o que aconteceu!

Gn19:33 – (…) entrou a primogênita e se deitou com seu próprio pai.
Gn 19:35 – (…) entrou a mais nova e se deitou com seu próprio pai.
Anrão casou com sua tia Joquebede.

Êx 6:20 – Anrão tomou por mulher sua tia Joquebede, que lhe deu à luz Arão e Moisés (…).
O próprio Deus ordenou que se casassem com irmãs!

Gn1:28 – Deus os abençoou, e lhes disse: “Sejam férteis e multipliquem-se! (…)”.

No verso acima está implícito o casamento entre irmãos, pois como iriam se multiplicar se só existiam eles dois!!????

Isaque casou com prima – Gn24:15.

Esaú casou com prima – Gn 28:8,9.

Naor casou com sobrinha – Gn 11:27-29.

Jacó casou com 2 primas – Gn 29:10,16,23,28.

Tamar engravidou do seu tio – Gn 38:18.

Ismael casou-se com egípcia, sendo ele filho de egípcia. Logo, provavelmente era parente – Gn21:21;25:12.

Mas casar com parentes não é pecado?

Não me parece que seja proibido, pelo contrário, a quantidade de casos relatados parece incentivo e não só por perpetuação da espécie, aparentemente era apenas mais uma das perversões incentivadas pelo livro da moral e bons costumes judaico cristão. O mesmo também incentiva a escravidão, misoginia, pedofilia, zoofilia entre outras… Moralidade não vem de manuais de bons costumes, vem de dentro de cada ser humano, cada um com um conceito do que é certo. Livros como este não poderão nunca dizer que é certo ou errado, qual moral ele tem para isso?

Duvida? Então leia, sem a interpretação dada pelo seu guia, seja padre ou pastor e veja por sí só o quão doente é essa coisa chamada religião.

Anúncios